Brasil deve produzir 5,5 milhões de tons de trigo

Indique a um amigo

A estimativa da T&F Consultoria Agroeconômica de potencial produtivo para esta temporada é de 5,5 milhões de toneladas (MT) de trigo para todo o Brasil. A projeção representa uma expressiva alta de 31% na comparação com as 4,2MT produzidas na safra anterior, com "trigo de boa qualidade na sua maioria e preços satisfatórios".

O trigo da safra 2018/19 já está plantado em 88% dos 700 mil hectares previstos no Rio Grande do Sul, encontrando-se em boas condições de germinação e desenvolvimento vegetativo. No Paraná, 97% dos 1,06 milhão de hectares previstos estão plantados, com 83% em condições boas/excelentes, 14% média e 3% ruins.

"As condições climáticas estão favoráveis ao bom desenvolvimento da cultura e devem continuar assim até a colheita, evitando problemas de giberela, fusarium e mofo branco, o que é uma ótima notícia", comenta o analista da T&F Consultoria Agroeconômica. Segundo ele o potencial produtivo para esta temporada pode chegar a 6,1 milhões de toneladas no Brasil caso o RS realmente produza 2,2MT.

Com relação aos preços para a próxima temporada (safra de 2018/19), eles começaram altos, ao redor de R$ 48,00/saca em algumas praças do PR, em outras R$ 42,00 e R$ 40,00. "Como, porém, os preços do disponível começaram a cair antes do esperado, primeiro no RS e nesta semana no PR, alguns moinhos estão retraídos em fazer novos negócios futuros, diante da perspectiva de comprar a preços menores durante a safra", comenta Pacheco.

"Por outro lado, as perspectivas dos preços mundiais são promissoras, diante das quebras em praticamente todos os grandes países produtores e exportadores ao redor do Mundo (exceto a Argentina, que deverá ter um aumento de produção da ordem de 2,6MT ou 15%, passando de 17,5MT para 20,1MT)", conclui.

Fonte: Portal do Agronegócio

Indique a um amigo