Trigo: preços têm movimentos distintos dentre regiões

Indique a um amigo

As cotações do trigo registraram comportamentos diferentes dentre as praças acompanhadas pelo Cepea no mês passado. Por um lado, os aumentos externos e a valorização do dólar tendem a elevar os valores internos e, por outro, estimativas apontando possível maior safra brasileira frente ao ano passado podem pressionar os valores.

No acumulado de agosto (entre 31 de julho e 31 de agosto), os preços aos produtores subiram 2,5% no Rio Grande do Sul, mas recuaram 4,1% no Paraná. Quanto ao mercado de lotes (negociações entre empresas), os valores subiram 1,2% no Rio Grande do Sul e 2,4% Santa Catarina, mas registraram baixa de 0,6% no Paraná. 

 

Fonte: Terraviva

Indique a um amigo